Textos



Silencio

e essa mordaça em minha escrita
minha palavra mais bonita
vai privando de brotar
me desnudar

pra que escrever
descrever meu universo
se você não vem ler
faz pouco caso do meu verso
ou simplesmente silencia
sobre o que diz minha poesia
quando em sua alma cala
toda a fome de você
que, em mim, fala
Nena Medeiros
Enviado por Nena Medeiros em 26/01/2015
Alterado em 26/01/2015


Comentários