Textos



Cinta
Deslumbrante no pole dance, só olhares muito atentos perceberiam a cinta que lhe comprimia a barriga, as olheiras sob a maquiagem, os seus túrgidos e úmidos do leite que o pequeno rebento de ontem jamais mamaria.

Microconto inscrito no desafio Microcontos Escambau de 14/10
 
Nena Medeiros
Enviado por Nena Medeiros em 22/10/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Peço citar a autoria "Nena Medeiros" e o endereço do texto.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários